Buscar

Pedras no rio

Desde pequeno, jogava pedras no rio na esperança que elas não afundassem. Daí que um dia, minha mãe me disse que se eu jogasse com amor não afundaria. Então eu joguei, e minha mãe estava certa: por mais pesado que ele seja, o amor não afunda.

Posts recentes

Ver tudo

Banquete

vivemos desejando mais o que não temos do que o que temos. como quem chega a um banquete e só lamenta de não conseguir provar todos os pratos da mesa.